Notícias

Cacique Guarani visita RExLab

O RExLab, na UFSC Campus Araranguá, teve a honra de receber o Cacique da aldeia Tekoá Guapo´ý Porã, também conhecida por Nhu Porã, dos índios M’byá Guarani, na última quinta-feira, dia 5 de Outubro. O encontro especial foi de troca de informações e experiências entre o coordenador do RExLab, o Prof. Dr. Juarez Bento da Silva e o Cacique Mario, para a implementação do projeto InTecEdu, na aldeia.

Um encontro histórico do Cacique Guarani M´byá Mario com Prof. Dr. Juarez Bento da Silva

O projeto envolve estratégias para a integração de tecnologias nos processos de ensino e aprendizagem. As ações do projeto estão estruturadas em dois eixos: capacitação docente e integração de tecnologias nas atividades didáticas acessados por dispositivos móveis. O programa é financiado pelo CNPq e Ministério da Educação. A implementação do projeto InTecEdu na aldeia Nhu Porã, será algo inédito, pois a implementação já existe em escolas da rede pública de Santa Catarina, mas em aldeias indígenas nunca ocorreu. As atividades interativas educacionais acontecerão na língua portuguesa e em tupi-guarani.

Segundo o Cacique Mario, cerca de 130 pessoas residem na reserva indígena. Impressionado com a recepção, tecnologia a sua disposição e emocionado, o Cacique disse que quer a melhor educação possível para as suas crianças. Uma equipe multidisciplinar está sendo formada pela coordenação do RExLab, que contará com colaboradores das tecnologias de informação, engenharia, comunicação, psicologia dentre outros. A fase de estudos para a implementação do projeto deve ocorrer a partir de Novembro deste ano e tem a participação do IFSC – Instituto Federal de Santa Catarina, campus Araranguá.

Comentários

comentários